About Us

O som de La Byle é uma declaração social e percussiva. Os ritmos umbanda cortados em desorientação da pista de dança electrónica mantêm-se fiéis à sua prática ritual.

A especiaria de La Byle rompe com confiança as fronteiras com um ponto de vista divertido, humorístico e provocador.

Atuando com uma presença de palco digna de sacrifício e de reciprocidade do público, este ato exige uma interação direta. O grupo celebra a sua diversidade, abraçando as suas diferenças culturais, fundindo-se nesta reapropriação funky do groovy.

O bonde: Babix, Sera Kalo, Pitota, Cara Muru e Luana Madikera partilham raízes culturais no Sul Global (América do Sul, Caraíbas, e África) e são membros ativos da comunidade QTBIPOC+ em Berlim. Nos últimos anos, La Byle tem sido um apoio local a artistas internacionais como Mc Carol e Deize Tigrona. Organizaram também workshops de dança com Sabrina Ginga (Heavy Baile), VN, e Sheik (Nego do Borel). Em 2020, La Byle foi reconhecida e duas vezes premiada pela Club Commission Berlin pela sua notável contribuição para a cultura e a cena musical do clube de Berlim. Demonstrando a sua luta contra o patriarcado através da compreensão da complexidade sexual, é convidado a abanar cada parte do seu corpo contra a violência que nos constrange a todos. Se não compreender uma das quatro línguas utilizadas para explicar, o espectáculo será suficientemente bem sucedido.